1 de dezembro de 2020
Início / Paraíba / Paraíba tem terceiro maior aumento de homicídios dolosos no 1º semestre de 2020
Arte em Festa

Paraíba tem terceiro maior aumento de homicídios dolosos no 1º semestre de 2020

Dados do 14º Anuário de Segurança Pública foram divulgados nesta segunda-feira (19).

O número de homicídios dolosos na Paraíba no primeiro semestre deste ano registrou um aumento de 21,5% em relação ao mesmo período do ano passado, segundo dados do 14º Anuário Brasileiro de Segurança Pública, divulgado nesta segunda-feira (19). O estado tem o terceiro maior aumento do país, ficando atrás apenas do Ceará, que registrou variação de 106,9%, no comparativo entre os dois semestres; e do Maranhão, onde houve um crescimento de 23,2%.

Segundo o Anuário da Segurança Pública, no primeiro semestre de 2019 foram registradas 437 homicídios dolosos e, no mesmo período deste ano, 531 casos. A categoria homicídio doloso na Paraíba também inclui as mortes decorrentes de intervenções policiais.

Os dados chamam a atenção tendo em vista que no comparativo entre os anos de 2018 e 2019, houve redução de 22,4% no número de vítimas, com a queda de 1.163 para 907 casos; e do número de ocorrências registradas pela polícia, de 1.109 (2018) para 880 (2019), uma variação de 21,1%.

Queda

Em contrapartida, no primeiro semestre deste ano houve redução no número de latrocínios (roubo seguido de morte), de 15 para 11 casos, uma redução de 26,7%; e de lesão corporal seguida de morte, com redução ainda maior de 6 para 4, o que corresponde a uma queda de 33,3%.

No caso de policiais civis e militares vítimas de crimes violentos letais intencionais, se manteve em apenas um no comparativo entre os dois semestres. O número é positivo, no comparativo feito pelo Anuário, com os dados de 2018 e 2019, quando o percentual teve um crescimento de 18,8%, com 16 e 19 casos, respectivamente;

“Se, por um lado, a pandemia de Covid-19 não subverteu a ordem pública ou, tampouco, gerou caos social, os números trazidos nesta edição do Anuário Brasileiro de Segurança Pública mostram, por outro lado, que uma reconfiguração do cenário criminal e da segurança pública está em curso e que ela ainda não está totalmente nítida”, destacam os pesquisadores do Fórum de Segurança Público, David Marques e Betina Warmling Barros, na análise do Anuário.

Morte de mulheres

O isolamento social imposto pela pandemia do novo coronavírus também causou impacto nos número de homicídio doloso com vítimas do sexo feminino no primeiro semestre deste ano. De acordo com o Anuário, foi registrada uma variação de 35,3%, no comparativo de 34 (2019) para 46 (2020). Na Paraíba, o número de homicídios dolosos de mulheres incluem todos os Crimes Violentos Letais Intencionais (homicídios dolosos, latrocínios e lesões corporais seguidas de morte). Em contrapartida, houve redução dos casos de feminicídio no estado em 11,8%, com queda de 17 (2019) para 15 (2020).

A reportagem do JORNAL DA PARAÍBA entrou contato com a assessoria de imprensa da Secretaria de Segurança Pública para que o órgão comentasse os dados, e aguarda retorno.

Inscreva-se em nosso canal!

Sobre pbpeisf

PBPE - Informação Sem Fronteira. As principais notícias do Estado da Paraíba e de Pernambuco você encontra aqui. Confira também os destaques locais das duas cidades irmãs, Itambé-PE e Pedras de Fogo-PB. Notícias, política, entretenimento, cultura, eventos, tecnologia, saúde, educação, esportes, oportunidades e muito mais! Serviços, produtos, downloads, humor, links úteis e notícias do Brasil e do Mundo.

Confira Também

MPF denuncia prefeito de Teixeira e esposa, vereador, cinco servidores e dois empresários por fraude em licitação

Segundo MPF, as relações entre os investigados “em muito ultrapassaram os limites das atividades lícitas, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.