25 de agosto de 2019
Início / Notícias / Polícia Militar prende homem por porte ilegal de arma em Pedras de Fogo
Arte em Festa Recepções

Polícia Militar prende homem por porte ilegal de arma em Pedras de Fogo

A Polícia Militar na noite da última sexta-feira (15), prendeu um indivíduo portando uma arma de fogo na rua Juscelino Kubitschek, bairro Santo Antônio, em Pedras de Fogo.

A prisão aconteceu após uma ocorrência de um duplo homicídio na cidade de Itambé- PE, cidade que faz fronteira com Pedras de Fogo na Paraíba.

O Sub Comando da 1ª CIPM orientou o efetivo local juntamente com o coordenador do policiamento e Força Tática para que fosse iniciado uma operação de saturação nas ruas que fazem divisa com a Paraíba, na tentativa de coibir possíveis crimes que pudessem ocorrer, devido ao duplo homicídio na vizinha cidade pernambucana e com esta saturação apoiar a Polícia Militar do estado vizinho.

Durante a operação um indivíduo foi abordado e com ele foi encontrado uma espingarda calibre 32 de fabricação artesanal, além de um maquinário para fabricação de outras armas, 1 munição de pt. 380 e uma estojo deflagrado de espingarda calibre 32.

Uma ação conjunta com a CPU, Força Tática e a Equipe de Policiamento Preventivo – EPP da 1 CIPM

Diante disso, o envolvido e o material apreendido foram conduzidos para delegacia de Polícia Civil em Alhandra plantão, Litoral Sul, para serem adotados os procedimentos cabíveis.

 

PBPE

Inscreva-se em nosso canal!

Sobre pbpeisf

PBPE - Informação Sem Fronteira. As principais notícias do Estado da Paraíba e de Pernambuco você encontra aqui. Confira também os destaques locais das duas cidades irmãs, Itambé-PE e Pedras de Fogo-PB. Notícias, política, entretenimento, cultura, eventos, tecnologia, saúde, educação, esportes, oportunidades e muito mais! Serviços, produtos, downloads, humor, links úteis e notícias do Brasil e do Mundo.

Confira Também

Justiça pela Paz em Casa: Comarcas de Lucena e Santa Rita recebem equipe da Patrulha Maria da Penha

Dentro das ações da 14ª Semana da Justiça pela Paz em Casa, do Conselho Nacional …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.