28 de novembro de 2020
Início / Notícias / Envolvido na morte do professor Walyngre é condenado à 18 anos de prisão
Arte em Festa
Imagem: TiagoSouza.Online

Envolvido na morte do professor Walyngre é condenado à 18 anos de prisão

O Juri Popular aconteceu na manhã desta quarta-feira (26), no Fórum Juiz Manoel João da Silva em Pedras de Fogo, Litoral Sul da Paraíba.

Após aproximadamente 6h de julgamento Eduardo Emiliano Gomes (24) anos, vulgo “DU” foi condenado a 18 anos de prisão em regime fechado.

Relembre o caso:

O corpo do professor foi encontrado no dia 26 de Fevereiro de 2018 em um local de difícil acesso na zona rural de Pedras de Fogo.

De acordo com a polícia civil o corpo do professor Walyngre foi perfurado 32 vezes com golpes de faca.

Ainda de acordo com a Polícia Civil o crime foi por motivo de vingança, porque a vítima teria divulgado seu relacionamento amoroso com um dos autores do homicídio.

Confira o vídeo abaixo onde fala o advogado assistente de acusação e a mãe do professor Walyngre

Imagem: Elisson Carlos

 

PBPE

Inscreva-se em nosso canal!

Sobre pbpeisf

PBPE - Informação Sem Fronteira. As principais notícias do Estado da Paraíba e de Pernambuco você encontra aqui. Confira também os destaques locais das duas cidades irmãs, Itambé-PE e Pedras de Fogo-PB. Notícias, política, entretenimento, cultura, eventos, tecnologia, saúde, educação, esportes, oportunidades e muito mais! Serviços, produtos, downloads, humor, links úteis e notícias do Brasil e do Mundo.

Confira Também

Ex-deputado federal da PB é alvo de operação da PF que apura desvio de verba em obras contra a seca

O ex-deputado federal Benjamim Maranhão (MDB) e a mãe dele, ex-prefeita de Araruna, Wilma Maranhão …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.