25 de janeiro de 2021
Início / Paraíba / Venezuelano é esfaqueado pelo padrasto no Conde
Arte em Festa
Venezuelano, vítima de facadas, em atendimento no Hospital de Trauma de João Pessoa. — Foto: Reprodução/TV Cabo Branco

Venezuelano é esfaqueado pelo padrasto no Conde

As facadas aconteceram durante uma discussão entre o rapaz e o padrasto. A vítima e os parentes são refugiados da Venezuela.

Um venezuelano foi esfaqueado pelo padrasto na noite de sexta-feira (18), no município do Conde, no litoral sul da Paraíba.

A vítima tem 18 anos e deu entrada no Hospital de Trauma de João Pessoa, após ser esfaqueado pelo padrasto.

De acordo com relatos a Polícia Militar, eles são refugiados da Venezuela e foram abrigados em Jacumã, no Conde. As facadas aconteceram durante uma discussão entre o rapaz e o padrasto.

Segundo o sargento Marcone, da Polícia Militar, a vítima foi ferida duas vezes, sendo uma no tórax e outra no braço direito. Ele estava consciente quando foi encontrado pela polícia e socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

O venezuelano continua no Hospital de Trauma da capital até este sábado (19) e, de acordo com a assessoria da unidade de saúde, está em observação.

G1/PB

Inscreva-se em nosso canal!

Sobre pbpeisf

PBPE - Informação Sem Fronteira. As principais notícias do Estado da Paraíba e de Pernambuco você encontra aqui. Confira também os destaques locais das duas cidades irmãs, Itambé-PE e Pedras de Fogo-PB. Notícias, política, entretenimento, cultura, eventos, tecnologia, saúde, educação, esportes, oportunidades e muito mais! Serviços, produtos, downloads, humor, links úteis e notícias do Brasil e do Mundo.

Confira Também

Prefeita é vacinada contra Covid-19 ‘para encorajar população’, sem estar em grupos prioritários

Prefeita de Belém, Dona Aline (PDT), foi a primeira pessoa vacinada contra a Covid-19 no …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.