25 de fevereiro de 2021
Início / Mais Notícias / Atirador que matou 11 pessoas em sinagoga nos EUA fazia posts antissemitas na web
Arte em Festa

Atirador que matou 11 pessoas em sinagoga nos EUA fazia posts antissemitas na web

Segundo fontes policiais, Robert Bowers gritou “todos os judeus devem morrer” ao entrar no templo e abrir fogo

 

PITTSBURGH — O atirador que matou 11 pessoas e feriu outras seis , incluindo quatro policiais, em uma sinagoga no estado americano da Pensilvânia, neste sábado, apresenta um histórico de posts antissemitas em uma rede social. Segundo fontes policiais ouvidas pela imprensa local, Robert Bowers, de 46 anos, gritou “todos os judeus devem morrer” no momento em que invadiu a cerimônia religiosa.

Uma das publicações antissemitas foi feita no próprio dia do ataque, considerado o mais violento contra a comunidade judaica nos Estados Unidos. O atirador escreveu que a Sociedade de Ajuda ao Imigrante Hebreu “gosta de trazer invasores que matam nosso povo”.

“Não posso me sentar e ver meu povo ser morto. Dane-se seu ponto de vista, eu vou entrar (na sinagoga)”, afirmou na rede social Gab, criada na Filadélfia como alternativa conservadora ao Twitter.

A empresa confirmou, em nota, que o perfil com o nome do agressor é verdadeiro e foi suspenso, e que está em contato com o FBI sobre o assunto.

Em um post anterior, Bowers criticou o presidente Donald Trump por não fazer nada para impedir uma “infestação” dos judeus no país.

Bowers foi preso após entrar em confronto com uma equipe da SWAT. Bowers foi levado para um hospital com vários ferimentos de bala, onde está estável. Os procuradores federais acusaram-no de 29 acusações criminais, incluindo crimes de violência e violação dos direitos civis dos EUA. O procurador-geral dos EUA, Jeff Sessions, disse que os promotores federais podem buscar a pena de morte para Bowers, medida defendida por Trump.

O prefeito de Pittsburg, Bill Peduto, disse à emissora de televisão “KDKA” que a lista dos nomes das vítimas será divulgada por autoridades federais em uma coletiva de imprensa ainda neste domingo.

O ataque gerou alertas de segurança nas sinagogas em todo o país. Na última semana, foram interceptadas várias cartas-bombas endereçadas a importantes figuras políticas, a maioria democratas, incluindo o ex-presidente Barack Obama.

O agente especial do FBI, Bob Jones, que lidera a investigação, disse que a cena do crime foi a pior que ele viu em 22 anos trabalhando no órgão federal. Jones acredita que Bowers, armado com um fuzil e três pistolas, estava agindo sozinho.

OGLOBO

Inscreva-se em nosso canal!

Sobre pbpeisf

PBPE - Informação Sem Fronteira. As principais notícias do Estado da Paraíba e de Pernambuco você encontra aqui. Confira também os destaques locais das duas cidades irmãs, Itambé-PE e Pedras de Fogo-PB. Notícias, política, entretenimento, cultura, eventos, tecnologia, saúde, educação, esportes, oportunidades e muito mais! Serviços, produtos, downloads, humor, links úteis e notícias do Brasil e do Mundo.

Confira Também

PM resgata criança amarrada com fios pela mãe na zona leste de São Paulo

Os policiais encontraram a menina com os pés descalços e amarrados por um fio dentro …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.