24 de setembro de 2020
Início / Pernambuco / Pai é preso suspeito de estuprar filho de 3 meses dentro de casa em Caruaru, PE
Arte em Festa Recepções

Pai é preso suspeito de estuprar filho de 3 meses dentro de casa em Caruaru, PE

Suspeita é de que o crime ocorreu enquanto a mãe, que é surda e muda, tomava banho, diz polícia.

Um homem foi preso na terça-feira (11) suspeito de estuprar o filho de três meses dentro da casa onde moram em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. À Polícia Civil, a mãe da criança disse que o crime ocorreu enquanto ela tomava banho.

“Segundo a mãe [que é surda e muda], estava só ela, o pai da criança e o bebê dentro de casa. Ela disse que encontrou o filho chorando e achou estranho”, informou ao G1 o delegado Eduardo Sunaga, que recebeu a ocorrência.

O delegado contou que o que ajudou no testemunho da mãe foi a madrinha dela, que é intérprete de Libras. “A mãe levou a criança para a UPA [Unidade de Pronto Atendimento] daqui de Caruaru junto com a madrinha. Num exame preliminar, a médica constatou a lesão na região anal do bebê e acionou a polícia”, detalhou Eduardo Sunaga.

De acordo com o delegado, o suspeito nega que tenha cometido o crime. O pai da vítima foi levado para a Delegacia de Polícia Civil, onde foi autuado em flagrante. Ele irá passar por audiência de custódia nesta quarta (12).

O bebê foi submetido a exames sexológicos no Instituto Médico Legal (IML) de Caruaru para comprovar se houve estupro.

G1

Inscreva-se em nosso canal!

Sobre pbpeisf

PBPE - Informação Sem Fronteira. As principais notícias do Estado da Paraíba e de Pernambuco você encontra aqui. Confira também os destaques locais das duas cidades irmãs, Itambé-PE e Pedras de Fogo-PB. Notícias, política, entretenimento, cultura, eventos, tecnologia, saúde, educação, esportes, oportunidades e muito mais! Serviços, produtos, downloads, humor, links úteis e notícias do Brasil e do Mundo.

Confira Também

Patrícia Domingos e Charbel querem reforma administrativa na PCR

No Recife, os candidatos de oposição à gestão do PSB, o procurador Charbel (Novo) e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.