27 de setembro de 2020
Início / Pernambuco / Estudantes da UFPE lançam aplicativo que conecta ciclistas nos trajetos em comum
Arte em Festa Recepções

Estudantes da UFPE lançam aplicativo que conecta ciclistas nos trajetos em comum

Foi pensando em promover segurança e praticidade às pessoas que utilizam a bicicleta como transporte diário, que um grupo de estudantes de Ciência da Computação do Centro de Informática (CIn) da UFPE desenvolveu um aplicativo capaz de encontrar, criar e compartilhar rotas entre ciclistas: o Biciflow.

De acordo com os idealizadores, Igor Matos, Luís Henrique Delgado e João Paulo Luna, “a ideia do app é ter uma cidade mais humana, através de mais pessoas pedalando, onde elas possam conviver e viver a cidade de fato”.

A ideia do aplicativo surgiu depois que o estudante Igor Matos passou “a usar a bicicleta mais firmemente no dia-a-dia, em setembro de 2015.” Identificando problemas como a falta de estrutura e segurança para os ciclistas, ele percebeu que “trazer a ideia do grupo de pedal, onde o pessoal se sente mais seguro por estar andando em grupo, para o dia-a-dia” poderia encorajar as pessoas a utilizar o meio também em seus trajetos diários.

Em 2015, o projeto foi apresentado no Startup Weekend Recife e a iniciativa foi levada para a disciplina de Projetão, voltada para o desenvolvimento de projetos criativos e inovadores. “Através das técnicas de design thinking, a gente foi atrás de ciclistas, fez entrevistas, viu quais problemas eles tinham, e aí caímos no problema que Igor havia citado: a sensação de insegurança”, comentou Luís Henrique.

Foto: Divulgação

Para propor soluções ao problema, o grupo realizou novas pesquisas, descobrindo em uma delas que aproximadamente “70% dos ciclistas entrevistados se sentiam mais confortáveis quando pedalavam em grupo”, disse o estudante.

No fim da disciplina, o Biciflow foi premiado como Projeto Inovação e passou a receber orientação da coordenação de inovação, através do professor Cristiano Araújo. O grupo começou a trabalhar no Pitch, espaço de coworking do Centro, para aprimoramento do aplicativo, recebeu mentorias e participou, a convite do professor Kiev Gama, de uma mesa redonda sobre “cicloativismo digital” na Campus Party 2016.

Atualmente, o projeto também conta com o apoio financeiro do Programa CASA Cidades, uma realização do Fundo Socioambiental CASA, em parceria com o fundo socioambiental da Caixa Econômica Federal e a Fundação OAK. O Biciflow foi um dos 150 projetos do Brasil aprovados pelo edital de 2017, o que possibilitou a contratação de novos membros na equipe e, assim, a reestruturação do aplicativo.

De acordo com Luís Henrique, “a ideia principal do aplicativo é conectar ciclistas que vão fazer rotas similares em um determinado horário, trazendo a ideia do pedal noturno para o dia-a-dia.”

O usuário pode fazer login utilizando alguma rede social e, em seguida, acessar as rotas próximas à sua localização ou pesquisar as rotas disponíveis a partir de determinado ponto de partida e destino. É possível, além de ver os detalhes, distâncias e horários dos trajetos compartilhados por outros usuários, criar e publicar as suas próprias rotas.

 

UOL

Inscreva-se em nosso canal!

Sobre pbpeisf

PBPE - Informação Sem Fronteira. As principais notícias do Estado da Paraíba e de Pernambuco você encontra aqui. Confira também os destaques locais das duas cidades irmãs, Itambé-PE e Pedras de Fogo-PB. Notícias, política, entretenimento, cultura, eventos, tecnologia, saúde, educação, esportes, oportunidades e muito mais! Serviços, produtos, downloads, humor, links úteis e notícias do Brasil e do Mundo.

Confira Também

PE libera festas, cinemas, teatros e aumento da capacidade de bares e restaurantes a partir de segunda

Também foi anunciada a permissão geral da entrada de turistas em Noronha, mesmo para os …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.