6 de maio de 2021
Início / Itambé / Vereadores paraquedistas aderem ao grupo Carrazzoni em Itambé-PE
Arte em Festa

Vereadores paraquedistas aderem ao grupo Carrazzoni em Itambé-PE

Poucos dias depois da eleição, o advogado João Cláudio afirmou nas redes sociais: “a prefeita eleita de Itambé já tem maioria na Câmara de Vereadores”. A população ficou estupefata, sem entender direito essa afirmação, tanto porque o advogado não era porta-voz oficial da prefeita, quanto porque o grupo da prefeita conquistou 5 cadeiras na Câmara Municipal, enquanto o grupo do candidato derrotado assegurou 6. A declaração do advogado colocou sob suspeita todos os seis vereadores eleitos pela Oposição.

São Eles: Suely Barbalho (PSB), Três Cocos (PSB), Raminho do Vídeo (PSB), Fofão (PV), Maurício Trevo Lajes (PV) e Edvaldo Caricé (PSB). Tem sido praxe na política itambeense vereadores paraquedistas/adesistas/oportunistas mudarem de lado, “virarem a casaca”, quando seu candidato a prefeito perde, o fazendo em troca de quota de remédio e gasolina, cargos comissionados para parentes e apaniguados, carro agregado em nome de laranja, além de outras vantagens pessoais inconfessáveis. Em decorrência de tudo isso, espalhou-se na cidade o comentário de que os vereadores Suely Barbalho e Fofão, teriam aderido ao grupo da prefeita eleita, abandonando o barco da Oposição, onde o povo os havia colocado.

Um jantar na mansão do Monge teria selado o acordo entre Graça/Fred e Suely/Sérgio, quebrando uma indiferença e um rompimento de cerca de 14 anos, transformando-os de “inimigos figadais” para “amigos para sempre”. O rancor pelo voto de Suely Barbalho pela rejeição de 4 contas do ex-prefeito Fred Carrazzoni, também foi relevado. Os comentários asseguram que a vereadora Suely Barbalho, teria ganho, com a adesão, a Secretaria de Assistência Social para si e a direção da Policlínica Dr. Manoel Gomes de Sá para seu esposo Sérgio Barbalho, ex-prefeito do Município, ao passo que o vereador Fofão seria agraciado com a indicação de 10 aliados para ocupar cargos comissionados, além de agregar na prefeitura dois ônibus de sua frota particular.

O PBPE entrou em contato com os vereadores citados, os quais não retornaram as conversas feitas via redes sociais, apesar de as terem visualizado. Em conversa com os vereadores eleitos Luís da Funerária (SD) e Maurício Trevo Lajes (PV), estes confirmaram ao portal de notícias PBPE que efetivamente os vereadores Suely Barbalho (PSB) e Fofão (PV), aderiram ao grupo político de Graça/Fred Carrazzoni. Os comentários nas rodas políticas também dão conta de que o vereador Raminho do Vídeo (PSB) estaria de malas prontas para desembarcar nas hostes governistas da prefeita Graça Carrazzoni, já não tendo aderido por conta de resistência e veto do ex-prefeito Fred Carrazzoni, motivada pelo voto de Raminho pela rejeição de 4 contas do ex-prefeito, o que ensejou sua inelegibilidade no pleito passado.

Após a eleição de 2012, aderiram ao prefeito então eleito Bruno Ribeiro, os vereadores Oscar Júnior PV), Zito (PV), Paulo Fotógrafo (DEM) e Raminho do Vídeo (PSB). Em toda eleição as urnas deixam um recado e designa quem representará a população na Situação e na Oposição. Via de regra, os políticos, desavergonhadamente, desconsideram o recado das urnas para assumir posições clientelistas e barganhar vantagens pessoais, vendendo apoio e dando as costas para os eleitores que votaram neles para representá-los. Uma Câmara de Vereadores subserviente, manobrada/comprada pelo prefeito, presta um desserviço à democracia e à população, levando o vereador a se omitir de fiscalizar o Executivo e de pleitear benefícios do interesse público.

As irregularidades apontadas pelo Tribunal de Contas nas seis contas rejeitadas do ex-prefeito Fred Carrazzoni, com evidente prejuízo para os cofres do Município, certamente não teriam ocorrido se tivéssemos uma Câmara diligente, operosa, ciosa de sua responsabilidade, que exercesse o seu papel fiscalizador com independência e responsabilidade.

O grupo político da prefeita eleita, que fez uma campanha velada e agressiva contra os vereadores Oscar Júnior, Zito, Paulo Fotógrafo e Raminho do Vídeo, além de Kássio Costa (PSDB), acusando-os de “traidores”, por terem abandonado a oligarquia dos “Carrazzoni”, passada a eleição de outubro, utiliza os mesmos métodos não republicanos praticados pelo prefeito Bruno Ribeiro em 2012, cooptando vereadores de Oposição e transformando os “traidores” de agora em “heróis” aliados circunstanciais e com objetivos escusos.

Todas as ilações, projeções e insinuações produzidas após o pleito são decorrência da falta de transparência da prefeita e dos vereadores eleitos, que em nenhum momento se dispuseram a dar declarações à imprensa, quer na Rádio Comunitária, quer nos portais de notícias da internet.

PBPE

Inscreva-se em nosso canal!

Sobre pbpeisf

PBPE - Informação Sem Fronteira. As principais notícias do Estado da Paraíba e de Pernambuco você encontra aqui. Confira também os destaques locais das duas cidades irmãs, Itambé-PE e Pedras de Fogo-PB. Notícias, política, entretenimento, cultura, eventos, tecnologia, saúde, educação, esportes, oportunidades e muito mais! Serviços, produtos, downloads, humor, links úteis e notícias do Brasil e do Mundo.

Confira Também

Cruz do Monumento pode cair a qualquer momento em Itambé

A Cruz do Monumento á Nossa Senhora da Imaculada Conceição pode cair a qualquer momento …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *