15 de outubro de 2018
Início / Paraíba / OPERAÇÃO GUERRA FRIA: Polícias Civil e Militar cumprem 35 mandados de prisão contra tráfico na PB
Kero Site - Agência Digital

OPERAÇÃO GUERRA FRIA: Polícias Civil e Militar cumprem 35 mandados de prisão contra tráfico na PB

As Polícias Civil e Militar deflagraram nesta sexta-feira (10) mais uma etapa da primeira fase da Operação ‘Guerra Fria’ , que visa combater o tráfico de drogas no município de Itabaiana e cidades vizinhas. Cerca de 35 mandados de prisão estão sendo cumpridos, além de 18 mandados de busca e apreensão.

De acordo com informações da Polícia Civil, 25 mandados de prisão estão sendo cumpridos dentro de unidades carcerárias, pois os suspeitos já estão presos. Os outros dez mandados estão sendo cumpridos: oito pessoas já foram presas, sendo duas mulheres.

O delegado Luciano Soares informou que os suspeitos têm envolvimento com o tráfico na região, além de homicídios relacionados com o tráfico. A primeira fase da operação já dura sete meses e mais de 30 pessoas foram presas.

A ação contou com mais de cem policiais, equipe do canil e com o helicóptero Acauã.  Os policiais ainda seguem nas ruas para cumprir os mandados restantes. “A partir dos depoimentos dos suspeitos, iniciará uma nova fase onde outras pessoas devem ser intimidas”, informou o delegado ao Portal MaisPB.

Além do município de Itabaiana, os suspeitos agiam nas cidades de Pilar, Juripiranga, Salgado de São Félix e Gurinhém.

MAISPB
Inscreva-se em nosso canal!

Sobre pbpeisf

PBPE - Informação Sem Fronteira. As principais notícias do Estado da Paraíba e de Pernambuco você encontra aqui. Confira também os destaques locais das duas cidades irmãs, Itambé-PE e Pedras de Fogo-PB. Notícias, política, entretenimento, cultura, eventos, tecnologia, saúde, educação, esportes, oportunidades e muito mais! Serviços, produtos, downloads, humor, links úteis e notícias do Brasil e do Mundo.

Confira Também

Pescador cai em alto mar e nada por cinco horas até a praia de Pitimbu

Um pescador que trabalhava em alto mar caiu do barco e nadou mais de cinco horas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *